Setor Araguaína Sul recebe mais uma edição do Natal sem Fome

Setor Araguaína Sul recebe mais uma edição do Natal sem Fome

Serviços de saúde, emissão de documentos, cestas básicas, palestras com teatro de fantoches, distribuição de brinquedos e brincadeiras fizeram parte da programação do sábado, 21, no setor

 Em parceria com as secretarias da Saúde, Infraestrutura, Trabalho e Ação Social e Esportes, Cultura e Lazer, a Fundação de Atividade Municipal Comunitária – FUNAMC promoveu mais um Natal sem Fome em Araguaína. A terceira edição do evento aconteceu na manhã do último sábado, 21, no setor Araguaína Sul e atendeu cerca de 300 famílias consideradas de vulnerabilidade social. O atendimentos ofereceram serviços de saúde, emissão de documentos, cestas básicas, palestras com teatro de fantoches, distribuição de brinquedos e brincadeiras, além de serem incluídas no cadastro da fundação.

Assim como nas edições dos setores Xixebal e Tiúba, as crianças se divertiram com brincadeiras em duas camas elásticas e com pinturas nos rostos e receberam brinquedos. Elas ainda contaram com teatro de fantoches promovido pelo Centro de Controle de Zoonoses, que levou de forma lúdica informações sobre a dengue e o calazar.

Aferir a pressão, fazer testes de glicemia, tirar a Carteira de Identidade e a Carteira de Trabalho e lanches foram ofertados aos participantes e, ao final do evento, as famílias cadastradas receberam cestas básicas.

Nas três edições do Natal sem Fome de 2013, cerca de 600 famílias foram inscritas no cadastro da FUNAMC para que, em situações de necessidade, o apoio possa ser dado com mais agilidade. “Mas é importante reforçar que só entram no programa as famílias que passam por uma avaliação das assistentes sociais do município”, lembra o presidente.

Doações

Os trabalhos sociais da FUNAMC podem ser fortalecidos por meio de doações. “As empresas que tiverem interesse em ajudar com brinquedos, roupas e até cestas básicas podem nos procurar porque todo apoio é mais que bem-vindo”, reforça o presidente da fundação.

(Foto: Leyla Mel/Ascom Prefeitura)

Fazer um comentario