Grupo JBS implantará frigorífico em Araguaína; 10 mil empregos devem ser gerados

Grupo JBS implantará frigorífico em Araguaína; 10 mil empregos devem ser gerados




Empresários representantes da empresa JBS foram recebidos pelo Governador Siqueira Campos, no Palácio Araguaia, na tarde desta quarta-feira, 22. De acordo com os executivos, o grupo deverá implantar um frigorífico na cidade de Araguaína, norte do Estado, ainda no primeiro semestre deste ano. A expectativa é de que mais de 10 mil empregos diretos e indiretos sejam criados com o empreendimento, que começará a ser implantado já em fevereiro, com previsão de entrar em operação em 120 dias. A JBS é detentora de marcas importantes, como as carnes Friboi, Laticínios Vigor, Bordon e Swift (produtora de derivados de carne e vegetais).

Durante encontro com os diretores da empresa, o Governador destacou que o Tocantins oferece importantes características que contribuem para a implantação e o desenvolvimento de negócios como os do grupo JBS. O Tocantins conta hoje com um rebanho de mais de oito milhões de cabeças de gado e, segundo Siqueira Campos, potencial alimentício para que sejam criados animais de qualidade, sem necessidade de implementação de ração. “O Tocantins é o local ideal para eles produzirem a matéria-prima deles. As nossas pastagens são exuberantes e não existe, no Estado, razão para se buscar o uso de ração animal, o que tem gerado problemas em outros países”, explicou.

Do ponto de vista do Estado, a chegada de uma empresa do porte da que será instalada em Araguaína trará benefícios em dois pontos distintos da economia. Segundo o chefe do Executivo, que convidou a empresa a conhecer o Estado, o primeiro deles é a criação direta de mais de 10 mil postos de emprego diretos e indiretos. “Outro ponto é que, com a vinda do grupo JBS, outras empresas irão se interessar em vir ao Tocantins”, disse o Governador.

Se para o Estado a chegada do grupo gerará empregos, renda e receita, do ponto de vista da empresa a implantação de um frigorífico Friboi no Tocantins é repleto de boas expectativas. O presidente da área de carnes do grupo JBS, Renato Costa, destacou as potencialidades do Estado para o desenvolvimento da empresa. “O Tocantins é um Estado estratégico para a logística. Aqui estamos localizados próximos a portos, a ferrovias. Num primeiro momento vamos atender ao mercado interno e, tão logo, iniciaremos as exportação para outros mercados”, completou.

Presente na reunião, o senador Vicentinho Alves celebrou a chegada da empresa e frisou que espera que o grupo se desenvolva no Estado e amplie sua cartela de negócios para outros municípios do Tocantins. “Esta é uma empresa muito importante em nível mundial. O grupo vai implantar o frigorífico e esperamos que, no conjunto, venham outras empresas do grupo, como a Vigor que poderia ser implantada em Colinas, importante polo leiteiro do Tocantins”, apontou.

A expectativa dos empresários é que as obras da Friboi em Araguaína iniciem já em fevereiro para que, ainda no primeiro semestre, entre em operação. “Iremos iniciar a implantação em fevereiro e, no máximo em 120 dias já devemos estar em operação”, completou Renato Costa.

Presenças

Além do governador, do senador Vicentinho e do presidente da área de carne da JBS, estiveram presentes no gabinete o diretor institucional da empresa, Ricardo Saud; o diretor de tributos da JBS, Valir Bony; os deputados estaduais Sandoval Cardoso – presidente da Assembleia Legislativa, e Stálin Bucar; e o secretário de Estado da Fazenda, Marcelo Olímpio.

(Philipe Bastos/Foto: Márcio Vieira)

Fazer um comentario


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0