“O cidadão tocantinense está cansado de pagar tanto imposto e não ver melhoria nos serviços públicos”, afirma Marcelo Lelis

“O cidadão tocantinense está cansado de pagar tanto imposto e não ver melhoria nos serviços públicos”, afirma Marcelo Lelis




A aprovação da MP 26/2013, que aumenta as taxas cobradas pelos cartórios, levou o deputado Marcelo Lelis (PV) a fazer um pronunciamento contundente contra a política fiscal adotada pelo Governo do Estado, que onera a classe produtiva do Tocantins com o aumento de taxas e encargos públicos do Estado.

“O cidadão tocantinense e a classe empresarial estão cansados. Eles não podem pagar o custo de uma máquina pública inchada e ineficiente. O Governo tem que incentivar o desenvolvimento, criando mecanismos de estímulo para o crescimento da produção, não onerar a classe produtiva e o trabalhador com o aumento de taxas e impostos. Esse tipo de prática política tem que acabar”, argumentou Marcelo Lelis.

O deputado demonstrou preocupação com o resultado negativo que o aumento das taxas cobradas pelos cartórios causará à economia tocantinense. “O custo de produção para o empresário vai aumentar com o reajuste das taxas cobradas pelos cartórios, e o empresário terá que repassar esse aumento para os preços dos produtos que comercializa e dos serviços que oferecer, sobrando para o consumidor pagar a conta”, explicou o parlamentar.

Segundo Marcelo Lelis, a população está cansada de pagar tantos impostos e não ver melhoria nos serviços públicos. “O Brasil é um dos países com a carga tributária mais alta do mundo. Conforme estudo feito pelo Banco Mundial, o brasileiro trabalha 2.600 horas por ano só para pagar imposto. E todo esse dinheiro que vai para os cofres públicos não retorna em benefício para a população. Mesmo pagando muito imposto, os serviços públicos continuam precários”, pontuou Lelis.

O deputado disse que a ineficiência da gestão pública é o principal gargalo de desperdício do dinheiro do contribuinte. “É preciso melhorar a gestão pública, torna-la mais enxuta e eficiente. Com ações planejadas, o Governo tem condição de baixar impostos e desafogar o setor produtivo, criando alternativas para o crescimento econômico, com geração de emprego e rende para o trabalhador”, argumentou.

Em seu pronunciamento, Marcelo Lelis disse que a aprovação da MP 26 veio a fortalecer a luta do Partido Verde pela redução de impostos e taxas por parte do poder público. “Essa luta do Partido Verde não é nova. Vamos propor Guerra contra o imposto. Fizemos isso quando fomos às ruas com a população exigir a redução do preço das tarifas de ônibus e da cobrança da taxa de iluminação pública em Palmas. O Partido Verde já vem se posicionando contrário ao aumento de tributos para o contribuinte. A aprovação da MP 26 só veio demonstrar que essa luta é necessária e urgente”, ponderou.

(Ascom)

Fazer um comentario


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0