Prefeitura convoca contribuintes para realizarem recadastramento imobiliário

Prefeitura convoca contribuintes para realizarem recadastramento imobiliário




A relação completa com os 108 mil imóveis de Araguaína está disponível no Diário Oficial do Município 

A Prefeitura de Araguaína disponibilizará no Diário Oficial desta sexta-feira, 21 de março, a relação com todos os imóveis dos contribuintes que pagam o IPTU – Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana referente aos exercícios fiscais de 2013 e 2014, e convoca todos os contribuintes para que confiram o cadastro atual de seus imóveis e, consequentemente, realizem o recadastramento imobiliário acessando o linkhttp://www.recadastramento.araguaina.to.gov.br.

A população da cidade de Araguaína estimada para o ano de 2013, segundo o IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, possui 164.093 habitantes, sendo que dentre os mesmos, apenas 29.219 são considerados contribuintes.

Diversos recadastramentos imobiliários foram realizados pelos próprios contribuintes de forma incompleta e/ou com ausência de importantes informações acerca de seus respectivos imóveis, ocasionando a não concessão dos descontos previstos no pagamento do IPTU 2014.

Com base no princípio da publicidade, o Executivo disponibilizou os valores totais da receita gerada para o Tesouro Municipal com o pagamento do IPTU em 2013. Caso haja divergência entre o valor pago no ano de 2013, conforme disponibilizado no link  http://araguaina.to.gov.br/portal/IPTU2013.pdf e o valor que será pago no ano de 2014, o contribuinte deverá procurar a Secretaria da Fazenda.

Nova Lei

Aprovada pela Câmara Municipal no segundo semestre de 2013, a nova lei do IPTU dividiu Araguaína em 97 subzonas, dentro das 13 zonas originais. A lei antiga contemplava apenas nove zonas e muitas injustiças eram realizadas. De acordo com o secretário, a redivisão foi necessária para buscar valores justos na cobrança do IPTU.

Isenções

Com a nova lei, estão isentos do pagamento de IPTU cidadãos maiores de 65 anos, aposentados por invalidez e o contribuinte cuja família tenha renda igual ou inferior a dois salários mínimos ou renda total igual ou inferior a meio salário mínimo por membro.

(Ascom/Prefeitura de Araguaína)

Fazer um comentario


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0