Kátia Abreu comemora a implantação do curso de medicina em Araguaína

Kátia Abreu comemora a implantação do curso de medicina em Araguaína




A senadora Kátia Abreu comemorou a notícia veiculada no Jornal do Tocantins desta quarta-feira, 30, em que a vice-reitora da Universidade Federal do Tocantins, Isabel Auler anuncia 14 novos cursos de graduação oferecidos pela universidade, entre eles o curso de Medicina no campus Araguaína, objeto de gestões da parlamentar junto à Presidência da República e Ministério da Educação. “O curso em Araguaína era um projeto importante da UFT e uma reivindicação dos estudantes da região. Agora nossos jovens terão oportunidade de estudar e todo o povo do Norte do Tocantins terá um hospital universitário referência no tratamento de doenças tropicais”, ressaltou a senadora.
Em maio de 2014, após audiência com a presidente Dilma Rousseff no dia 7 e o atual ministro da Educação, José Henrique Paim Fernandes no dia 21, a senadora anunciou a garantia de R$ 5 milhões para serem aplicados no curso, que terá seu primeiro vestibular já em janeiro de 2015, em que serão ofertadas 40 vagas para o curso de Medicina. A verba será destinada para a adequação do HDT e contratação de 20 professores e 15 profissionais para o corpo técnico-administrativo da unidade.Desde a federalização do Hospital de Doenças Tropicais, que foi doado pelo Governo do Estado para a UFT, o reitor Márcio Silveira, solicitou o apoio para a criação de uma Faculdade de Medicina na cidade de Araguaína, luta que foi prontamente abraçada pela senadora Kátia Abreu. Em setembro de 2013, a senadora, acompanhada do prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas e do reitor defendeu o curso na primeira audiência com o então ministro da Educação, Aluizio Mercadante para incluí-lo no Plano de Expansão do Ministério da Educação.

Comments are closed.