Prefeitura moderniza gestão pública em Araguaína

Prefeitura moderniza gestão pública em Araguaína




A integração das funções de planejamento, orçamento e gestão agilizará os atendimentos à população

O fim do modelo de gestão burocrática e o início da inovação nos processos de gestão são medidas que estão sendo implantados em Araguaína. De 2013 até agora, a migração para sistemas atualizados de gestão faz parte do Programa Araguaína Conectada, que agilizará os trabalhos das secretarias e facilitará a vida do morador araguainense.

O Paço Municipal, o videomonitoramento, internet gratuita em locais públicos, a informatização da saúde e a emissão de documentos on-line fazem parte das ações de modernização da gestão e contam com investimentos.

Documentos on-line

Mediante a integração das funções de planejamento, orçamento e gestão, muitos serviços do Araguaína Conectada já estão disponíveis no site da Prefeitura de Araguaína. Podem ser emitidos via internet, por exemplo, o boletim escolar, a emissão de notas fiscais, as guias de IPTU, alvarás de licença e as certidões negativas.

Paço municipal

Um dos principais projetos de modernização da gestão pública, já aprovado, é a construção do Paço Municipal. Localizado no Setor Araguaína Sul, o novo prédio reunirá todas as secretarias municipais.

“O projeto do Paço Municipal destinará mais de R$ 20 milhões de investimentos que garantirão a implantação de diversos sistemas modernos de gestão e a construção do novo prédio”, destacou o prefeito Ronaldo Dimas.

O Município irá economizar aproximadamente 80 mil reais mensais em alugueis de prédios, que atualmente estão distribuídos em posições diferentes na cidade. “O dinheiro economizado com o aluguel vai ser suficiente para pagar o investimento, além disso, irá facilitar o deslocamento dos funcionários.

Vídeomonitoramento

Além da edificação do Paço, faz parte da modernização da gestão o videomonitoramento urbano. O sistema, a ser implantado em parceria com o Detran, irá monitorar locais estratégicos, tais como os mais violentos e onde há grande fluxo de veículos nas entradas e saídas da cidade.

“Esse sistema também será o responsável por interligar os sistemas de gestão dos órgãos públicos municipais, através da rede de fibra ótica. Também será parte dele colocar à disposição da população araguainense antenas para fornecer sinais de internet gratuita em praças e escolas”, afirmou Dimas.

O primeiro teste está sendo realizado na Vila de Natal, na Praça das Nações. A internet gratuita, de 40 gigabytes, estará disponível nos 23 dias do evento.

Informatização da saúde

Visando a melhoria da prestação de serviços para atender as demandas da sociedade, o Araguaína Conectada contempla também a modernização dos serviços de saúde. As unidades básicas de saúde receberão 190 computadores, além do software necessário para a reformulação das plataformas e, futuramente, vai iniciar o processo de virtualização de documentos públicos e a modernização da fiscalização e do processo de trabalho dos agentes de endemia.

A meta são as marcações de consultas via internet ou via telefone, cujo projeto será executado a partir de 2015. As redes de fibra ótica, que interligarão todos os programas, estarão disponíveis para a secretaria em breve. “A partir daí teremos condições de implantar o serviço, tão esperado por muita gente. Acredito que neste próximo ano será possível já iniciar os primeiros testes”, comemorou Dimas.

Fazer um comentario