PM dá dicas de segurança para o tocantinense curtir a folia com tranquilidade

PM dá dicas de segurança para o tocantinense curtir a folia com tranquilidade




A Polícia Militar (PM) do Estado do Tocantins divulga orientações com o objetivo de esclarecer a população sobre os cuidados para garantir um Carnaval tranquilo, além de contribuir significativamente para a diminuição das ocorrências criminais neste período. São várias as recomendações, que incluem cuidados com a residência, local da festa, veículo, bem como dicas de saúde aos foliões.

A primeira dica se refere a documentos. Preferencialmente, o folião deve comportar apenas a original da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e o documento do veículo, também original. Mas, recomenda-se pegar táxi, deixando o veículo seguro na garagem. Ademais, deve-se levar a fotocópia da carteira de identidade. Em caso de perda de documentos, procurar as delegacias de Polícia Civil ou fazer a ocorrência online pelo site www.ssp.to.gov.br.

Outra dica é evitar levar aparelhos eletrônicos, em especial celulares, para os locais de grande concentração popular.

Crianças

Elas devem ser transportadas no banco traseiro do veículo, de acordo com as normas de segurança de trânsito. Não é recomendado, de forma alguma, deixar as crianças trancadas sozinhas em casa. Caso isso venha a ocorrer, os pais devem ensinar aos filhos o telefone 190 da Polícia Militar. Devem ainda evite levar crianças de colo para locais com grande aglomeração de pessoas. O certo é deixá-las com parentes ou amigos de confiança. Caso tenham que levá-las às festas, deve-se colocar nelas alguma identificação com dados importantes como nome, endereço, telefone, etc.

Precaução

Aos pedestre, devem atravessar em faixas de segurança e somente após a parada dos veículos. Deve-se evitar também andar em ruas mal iluminadas, mesmo que seja para diminuir o seu percurso, bem como mostrar dinheiro, devendo separar somente o necessário para as despesas. Evite ainda sair com joias e objetos de valor. Nada de porta-cédulas e as chaves bem seguras no bolso, nunca dentro de bolsa. Caso o folião suspeite que esteja sendo seguido, deve atravessar por várias vezes a rua para se certificar se realmente está sendo seguido. Se confirmar as suas suspeitas, dirija-se a uma rua que haja grande número de pessoas e peça ajuda, a fim de localizar postos policiais.

Bebidas e drogas

Sempre diga não às drogas! Não beba quando for dirigir, nem dirija quando beber. Também não dirija, se fez uso de alguma droga ou substância análoga; Oriente seu filho para nunca experimentar drogas, pois é assim que começa o vício. Nunca faça ingestão de alimentos ou bebidas oferecidas por estranhos. É bom lembrar que é vedada a venda de bebida alcoólica a menores de 18 anos, ficando os infratores sujeitos à cominação da lei.

Veículo e trânsito

Vidros do carro fechados e travas acionadas dificultam a ação de marginais. Não deixe CD players, similares ou outros objetos expostos no seu veículo. Antes de ligar sua motocicleta, coloque o capacete. Não utilize telefone celular com o veículo em movimento. O cinto de segurança é indispensável, mesmo que em pequenos deslocamentos; Em grandes eventos, evite deslocar-se em seu próprio veiculo e procure alugar um táxi ou transporte alternativo (van ou similar), quando sair em grupo. Não dê e nem aceite caronas de pessoas estranhas.

Residência

Ao sair de casa, avise a um vizinho de confiança e mantenha contato para saber se está tudo bem. Não deixe cadeado no lado externo do portão, pois caracteriza ausência de moradores. À noite, deixe apenas luzes internas acessas. Assim, não dá na vista que a residência está vazia. Se for viajar, entregue as chaves a um vizinho de confiança e peça para que ele acenda as luzes à noite e recolha as correspondências, dando ideia de movimentação na residência.

Segurança

Lembre-se, a segurança pública é obrigação do Estado, mas é responsabilidade de todos (Art. 144 da CF/88). Ajude a Polícia Militar (PM) a ajudar você. Denuncie quaisquer situações suspeitas. Não deixe ocorrer fatos ilícitos. Avise a patrulha mais próxima ou ligue para o 190.

(Aline Brabo/PM-TO)

Fazer um comentario