Inauguração da Companhia JBS destaca Araguaína no Canal Rural

Inauguração da Companhia JBS destaca Araguaína no Canal Rural




As atividades do frigorífico iniciaram na cidade no último sábado, 28 de fevereiro

 

Na manhã desta terça-feira, 3, Araguaína foi destaque no Canal Rural. O motivo foi a inauguração, neste final de semana, do frigorífico da Companhia JBS, localizado no Distrito Agroindustrial de Araguaína (Daiara) e implantado graças ao incentivo do prefeito Ronaldo Dimas. O Programa Giro do Boi destacou a implantação da planta frigorífica na cidade e contou um pouco da história de povoamento e desenvolvimento da cidade. “Como em qualquer cidade, uma indústria de abate de bovinos agrega muito em emprego e renda onde se instala. Araguaína recebeu de braços abertos os investimentos da companhia e muita gente comemora o empreendimento”, destacou o apresentador Mauro Sérgio Ortega.

Segundo a reportagem exibida no programa, com o passar dos anos, Araguaína se apresenta como o coração financeiro e comercial desta região do Brasil e tornou-se um dos principais centros econômicos do Tocantins. O repórter Marco Ribeiro destacou a chegada da maior empresa de processamento e produção de alimentos do mundo à cidade. “A JBS interfere na história da cidade, trazendo desenvolvimento, emprego, renda e evolução”, disse.

Segundo o secretário do Desenvolvimento Econômico, Josué Luz, o foco do município é gerar emprego e capacitação aos araguainenses. “Queremos dar sustentabilidade social e financeira aos araguainenses, melhorar a qualidade de vida de muita gente, pois somente deste modo podemos desenvolver o município”, disse em entrevista o secretário da pasta.

Investimentos

A companhia localizada no Estado do Tocantins começou as operações com capacidade para processar 700 cabeças por dia. A unidade estava fechada desde 2007 e foi adquirida pelo grupo em 2009, com a incorporação do Bertin.

Com investimento de R$ 25 milhões, a nova unidade gerou 500 empregos diretos e terá uma posição estratégica para atender a demanda dos Estados das regiões Norte e Nordeste do país. Além disso, devido à privilegiada logística da região, com uma excelente estrutura de rodovias e ferrovias, a unidade de Araguaína também abastecerá parte da demanda do mercado externo, atendendo países da América do Sul, África, Oriente Médio, Europa, entre outros.

Confira a matéria no link a seguir: http://goo.gl/HKFLrd (Canal Rural)

(Weberson Dias/Foto: Leila Mel)

Fazer um comentario