Judocas do Tocantins vão ao pódio da Copa São Paulo

Judocas do Tocantins vão ao pódio da Copa São Paulo




Neste fim de semana aconteceu a edição 2015 da Copa São Paulo de Judô, em São Bernardo do Campo. Ao ver as doze áreas de luta tomadas pelos cerca de 3.000 judocas, ao longo de três dias, fica mais fácil entender a grandiosidade desse evento, o maior torneio aberto interclubes da América Latina.

Pelo terceiro ano seguido o Tocantins enviou uma delegação, desta vez com 10 integrantes, um número reduzido, mas de grande qualidade. Quase todos venceram lutas e a maioria chegou à disputa de medalhas, conquistando um ouro, duas pratas, um bronze e três que chegaram a disputar o bronze, mas foram derrotados.

O único ouro tocantinense deste ano foi do sensei Ton Pacheco, lutando pelo Sesc. Ele venceu suas quatro lutas e subiu no alto do pódio. As medalhas de prata vieram com Jonas Irwing, em sua despedida do Sesc, pois está se transferindo para o Dom Bosco, e com o experiente Fred Guerra, da AD Guerra/Sesi, que repetiu o bom resultado do ano passado. Mayons Niully, da novata Palmas Judô Clube, chegou ao bronze, fechando as conquistas da equipe. Além deles, Ennilara Lisboa (Sesc) e Luana Candido (Guerra/Sesi) chegaram bem na fase semi-final, mas acabaram derrotadas, perdendo também a disputa pela medalha de bronze. Terminaram em quinto, assim como Clayton de Souza (Guerra/Sesi).

«É um torneio de nível técnico muito elevado, com a maioria dos atletas da seleção brasileira de base, inúmeros representantes do Brasil em competições internacionais e vários atletas com histórico de convocações para o pré-olímpico», contou Fred Guerra. «Quem foi ao ginásio viu um judô do nível, do que há de melhor no Brasil, e fico orgulhoso da nossa turma fazer parte disso», concluiu.

Desacostumada a voltar para casa sem medalhas, Ennilara Lisboa avaliou seu desempenho de maneira objetiva: «Subi para o peso médio, mas ainda estou quatro quilos abaixo. Me senti fraca e sem fôlego para esta categoria, principalmente por ter feito duas lutas que chegaram ao golden score, ficando muito longas e cansativas», contou a atleta destaque tocantinense. Mesmo sentindo-se dessa maneira, Ennilara venceu por ippon uma atleta da seleção brasileira e foi derrotada na disputa de bronze, por apenas uma punição no golden score, pela atual títular da seleção brasileira sub21. Terminou na quinta colocação.

Próximos compromissos

No sábado, 28/03, os tocantinenses lutam na segunda etapa do ranking estadual, última preparação para o Campeonato Brasileiro Regional, de 17 a 19/04, em Campo Verde/MT, quando disputarão vagas para as finais do Brasileiro com atletas do TO, GO, DF, MT, MS e RO.

RESULTADOS DA EQUIPE TOCANTINENSE

 

OURO

– Ton Pacheco (Sesc), M4-81kg

 

PRATA

– Fred Guerra (AD Guerra/Sesi), M3-66kg

– Jonas Irwing (Sesc), Sub18-55kg

 

BRONZE

– Mayons Niully (Palmas Judô) Sub21-55kg

QUINTO

– Clayton de Souza (AD Guerra/Sesi), M5-81kg

– Luana Candido (AD Guerra/Sesi), Sub21-48kg

– Ennilara Lisboa (Sesc), Sub21-70kg

SÉTIMO

– Karla Basílio (AD Guerra/Sesi), Sub18-44kg

PARTICIPAÇÃO

– Gabriel Santos (Palmas Judô), Sub15-48kg

– Heron Campos (Palmas Judô), Sub15-64kg

(Ascom ADG)

Fazer um comentario