Curso de Libras é disponibilizado a pais, alunos e profissionais da Educação

Curso de Libras é disponibilizado a pais, alunos e profissionais da Educação

Um total de 25 alunos recebem orientações teóricas e práticas para lidar com a educação inclusiva

 

Com uma turma formada por 25 alunos, a Prefeitura de Araguaína está oferecendo o curso de Libras Nível Básico às terças-feiras, a partir das 19h, na Escola Estadual Modelo. Participam do curso gratuitamente alunos, familiares de estudantes com surdez matriculados na rede municipal de ensino, além de profissionais que atuam na educação. A capacitação tem duração de 120 horas e é organizada pela Diretoria de Ensino Especial da Secretaria Municipal de Educação.

O curso surgiu da necessidade em expandir as técnicas de Libras aos familiares de alunos que estudam na rede municipal de ensino, bem como para contribuir com o trabalho dos profissionais que atuam com esse público. Com olhares sempre atentos ao professor, cada participante busca através dos movimentos, identificar a maneira dinâmica da comunicação através da reflexão sobre o papel da escola, da família e da comunidade no ensino-aprendizagem da pessoa com deficiência nas salas de ensino regular.

A primeira turma do curso de Libras Nível Básico, teve início em março deste ano e tem sido diferencial para aqueles que precisam da linguagem de sinais. O encerramento está previsto para o mês de Dezembro. “Tornar a escola um espaço de inclusão e respeito às diferenças é uma ferramenta primordial para melhorarmos nossa Educação”, observou o secretário da pasta, Jocirley Oliveira.

CIL

Resultado da preocupação da Prefeitura em incluir deficientes auditivos e surdocegos, a Central de Interpretação de Libras (CIL) de Araguaína é a única cidade do Tocantins que possui um centro especializado no atendimento à população. Este ano, a CIL comemora dois anos de atuação na cidade. Mais informações sobre a Central de Interpretação de Libras podem ser obtidas através do telefone: (63) 3415-2268.

(Abdon Barbosa/Foto: Arezio Sotto)

Fazer um comentario