Com presença de primeira-dama, Atacadão inaugura loja em Araguaína

Com presença de primeira-dama, Atacadão inaugura loja em Araguaína

A loja é a 112ª loja do grupo no Brasil e a 2ª no Tocantins

Na manhã desta quinta-feira, dia 7, o Atacadão, um empreendimento do grupo Carrefour, foi inaugurado em Araguaína. Participaram da solenidade a primeira-dama de Araguaína, Nil Dimas, e o secretário estadual de Articulação Política, Paulo Sidnei, representando o governador Marcelo Miranda, além de representantes nacionais do grupo e da comunidade em geral. A forte participação popular da abertura das portas do supermercado foi o que marcou a chegada do grupo à cidade.

Para Nil Dimas, o que motivou a instalação do grupo na cidade foram as recentes mudanças estruturais e urbanísticas por que Araguaína passou. “Os grandes empresários já abriram os olhos e perceberam que Araguaína tem uma economia forte”, adiantou a primeira dama de Araguaína, acrescentando que quem ganha com a concorrência é o povo.

O representante do governador justificou a chegada da empresa que nossa cidade é um polo econômico que alcança um total de 2 milhões de pessoas em 79 cidades vizinhas no Tocantins, Pará e Maranhão. “Além de ser forte no comércio, saúde e educação, a cidade cresce também no mercado atacadista”, disse Paulo Sidnei, pontuando que o Carrefour é uma mega empresa com 112 lojas em todo o Brasil. “A chegada da rede de atacado é muito importante para o Tocantins, Norte do país e muito especialmente para Araguaína. Parabéns Araguaína e sucesso”, parabenizou.

Dar continuidade ao projeto de expansão dentro do Tocantins é uma das metas do Atacadão. Auriberto Alves da Silva, diretor de operações do grupo, assegurou que desde 2009, quando instalou o empreendimento do grupo em Palmas, já observa Araguaína. “Araguaína é um polo estratégico no norte do Tocantins e que faz divisa com outros dois estados importantes. Por isso, não poderíamos estar longe, e por muito tempo, de uma cidade como esta, que cresce diariamente e que está bastante alinhada com nossa proposta de trabalho. Queremos ser o divisor de águas no comércio da cidade e uma boa opção de compras”, afirmou, agradecendo ao apoio da Prefeitura, do Estado e da população.

A entrada do Atacadão em Araguaína é vista com bons olhos também para o presidente da Associação Comercial e Industrial da cidade, Manoel de Assis, que vislumbra mais desenvolvimento econômico. “Vivemos em um contexto nacional turbulento, e por conseguir atrair empresas desse porte, Araguaína atenua a crise econômica. Vale lembrar também que o mais importante é oportunizar mais qualidade de vida à população de Araguaína, bem como da qualidade de atendimento, oportunidades de emprego e geração de renda, potencializando, assim, a economia do Município” destacou, acrescentando que o Atacadão vão gerar muitas expectativas econômicas de arrecadação para nossa região.

(Weberson Dias/Foto: Marcos Filho)

Fazer um comentario