Prefeitura oferta cursos profissionalizantes gratuitos

Prefeitura oferta cursos profissionalizantes gratuitos

Mais de 60 pessoas estão se profissionalizando em manicure, pedicure e pintura em tecidos

A Prefeitura de Araguaína, por meio da Fundação de Atividade Municipal Comunitária (Funamc), está realizando os cursos de pintura em tecidos, manicure e pedicure para pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade social. Os cursos, com duração de dois meses, tiveram início em maio e estão realizados no prédio da Funamc, no Bairro São João.

Os cursos funcionam no período da tarde e atendem a mais de 60 alunos. Um dos objetivos dos cursos é dar aos alunos a oportunidade de garantir a sua própria renda financeira, com a abertura do próprio negócio, além de promover a inclusão social.

A dona de casa Raimunda Arruda da Silva Melo, moradora do setor Araguaína Sul, está fazendo o curso de pintura em tecido. Ela acredita que depois de terminar o curso vai abrir seu próprio empreendimento. “Já fiz curso de moldes vazados e agora o de pintura. Com eles vou aumentar a renda da família, com meu próprio negócio”, disse

Já para outra aluna, Maria Vilani Ribeiro, que mora no Setor Coimbra, o curso de pintura em tecido é uma forma dela ajudar outras pessoas com o aprendizado que obteve durante as aulas. “Amo pintar, amo bordar, amo crochê. Já fiz esses cursos e estou fazendo o de pintura para poder ensinar as pessoas que precisam”, disse contente.

Os interessados em fazer os cursos devem procurar a sede da Funamc e já fazer a pré-matrículas para as próximas turmas, que devem iniciar em agosto. Os cursos são gratuitos e são custeados com recursos próprios da Prefeitura. Mais informações pelo telefone (63) 3414-0431. 

Profissionalização

Em 2014, 1.888 pessoas fizeram os cursos promovidos pela Prefeitura e em parceria com outras instituições. Ao todo, foram 85 turmas formadas em vários cursos. Todas se qualificaram e tiveram a chance de entrar no mercado de trabalho tendo mais capacidade técnica e aumentar a renda familiar.

(Alberto Rocha/Foto: Leila Mel)



Fazer um comentario