Brasil Price e parceiros levam alegria e presentes para alunos da creche Cora Coralina

Brasil Price e parceiros levam alegria e presentes para alunos da creche Cora Coralina

Os quase 300 alunos da creche Cora Coralina, no Residencial Costa Esmeralda, em Araguaína, tiveram um Dia das Crianças antecipado cheio de surpresas no último sábado, 3 de outubro. A Brasil Price, em parceria com mais de 10 empresas, mobilizou seus colaboradores e organizou uma festa animada com direito a apresentação da Turminha Mágica, brincadeiras, sanduíches, pipoca, algodão doce, bolos, pula-pula e muitos presentes.

A iniciativa, conforme conta o diretor da Brasil Price, Ronaldo Dias, faz parte dos valores da empresa, que prima pela responsabilidade social. “A solidariedade e a valorização humana sempre foram conceitos muitos fortes que fazemos questão de disseminar entre nossos colaboradores. Há 12 anos, fazemos trabalhos desta natureza, sempre com foco na criança e no idoso”.

Retribuição

Como forma de agradecimento, os alunos ensaiaram e executaram a canção de Bom Dia, a Oração dos Alunos e uma mensagem de agradecimento com a entrega de um certificado. “É tamanha a felicidade da gente, ficamos extasiados com a festa. De fato, seria muito difícil conseguir presentes para todas essas crianças, mas a Brasil Price se propôs a atender essa carência e só temos a agradecer por isso”, disse a gestora da creche, Marzonete Duarte da Silva.

Personagens

Para deixar a festa ainda mais animada, os colaboradores da Brasil Price foram fantasiados de personagens de desenho e organizaram as brincadeiras junto com a Turminha Mágica. E a criançada adorou a aparição do Palhaço Moedinha, interpretado pelo diretor Ronaldo.

Esta foi a primeira vez que a assistente administrativa Letícia Santos Saraiva participou de uma ação voluntária e o resultado, para ela, foi extraordinário. “Eu me sinto muito feliz fazendo isso. O que é mais gratificante é ver o sorriso dessas crianças, é contagiante. A Brasil Price é uma empresa que tem Deus em primeiro lugar e que vê a necessidade dos outros cima das suas”. “Queremos justamente estimular este sentimento de fazer algo a mais para a sociedade, sair da zona de conforto e não esperar somente dos governos. Mais que qualquer atividade, estas crianças e os idosos precisam de atenção, de carinho e é isso que estamos tentando proporcionar”, finalizou Ronaldo.

(Singular comunicação)

 



Fazer um comentario