IBGH promove palestra educativa sobre prevenção do câncer de próstata, em Araguaína

IBGH promove palestra educativa sobre prevenção do câncer de próstata, em Araguaína

A ação aconteceu no Hospital Municipal de Araguaína e faz parte da campanha Novembro Azul

A cultura da prevenção, aliada à quebra de preconceito, foi o principal propósito da palestra sobre os perigos do câncer de próstata promovida pelo Instituto Brasileiro de Gestão Hospitalar – IBGH promoveu, na última quarta-feira, 25, no Hospital Municipal de Araguaína (HMA).

A campanha acontece em todo o mundo e tem a intenção de lembrar as pessoas, principalmente os homens, da importância do exame preventivo para detecção do câncer. Mariela Borges, gerente de Recursos Humanos do HMA, explicou que a palestra também teve o objetivo de atingir as mulheres. “Nossa intenção é de que elas levem estas informações para casa e orientem seus maridos. O homem tem a tendência a ir menos ao médico, a mulher procura mais, por isso queremos que ela multiplique essa conscientização para os homens da família”, destacou.

Sexto tipo mais comum do mundo, o câncer de próstata tem maior incidência nos homens, mas, se diagnosticado no início, pode ter 90% de chance de cura. “O exame é recomendado a partir dos 45 anos de idade. O homem deve procurar uma Unidade Básica de Saúde (UBS) para fazer o exame de Antígeno Prostático Específico (PSA). Se o nível estiver elevado, o paciente é direcionado para o exame de toque”, explicou Sivanilda Mariano, palestrante e enfermeira do Núcleo de Educação Permanente.

O pedreiro Cícero Neto assistiu à palestra enquanto aguardava atendimento. Ele considera as orientações fundamentais. “O que aprendi hoje repassarei lá para casa, porque eu não sabia de muita coisa. Pensei que era só com uns 50 ou 60 anos que tinha que fazer o exame, mas a partir dos 45 já temos que fazer”.

A cultura da prevenção também foi bem absorvida pelo carpinteiro José Alves. “Todo homem tem que se prevenir mesmo. Muitas vezes a gente fica perdido, não vê ninguém falando. Mas quando tem uma palestra dessas, eu acho importante. Repassarei o que aprendi para os meus amigos e meu irmão, para a gente se prevenir, ficar por dentro do risco que a estamos correndo”, apontou.

 (ASCOM/Foto: João Neto)



Fazer um comentario