Acadêmicos de Odontologia da FACIT doam fraldas e carinho à Casa do Idoso

Acadêmicos de Odontologia da FACIT doam fraldas e carinho à Casa do Idoso

Os alunos do primeiro período do curso de Odontologia da Faculdade de Ciências do Tocantins – Facit participaram de uma aula diferente na última terça-feira (5). Acompanhados das professoras Eliana dos Santos e Garithuzy Macedo, os jovens acadêmicos fizeram uma visita à Casa do Idoso de Araguaína e levaram doações de fraldas, além de um belo lanche da tarde.

Teoria e prática

A prática das atividades extra muro é uma marca da Facit, principalmente na disciplina de Clínica Odontológica, na qual os alunos visitam instituições, elaboram um projeto de ação e retornam para promover as atividades. “Com a visita aos idosos, trabalhamos no aluno a questão da humanização. Às vezes os profissionais da saúde são muito técnicos e esquecem que atrás de um dente há uma pessoa que faz parte de um contexto social estruturado. Tentamos trabalhar todos esses aspectos com os nossos alunos”, explicou a professora Eliana.

O contato com o público da melhor idade é a oportunidade que os acadêmicos têm de entender as demandas e limitações do paciente para dar as orientações mais adequadas. O lanche preparado pela turma da Facit, por exemplo, levou em conta o fato de muitos idosos não possuírem mais todos os dentes.

Satisfação

Para a professora Garithuzy, é fundamental que os alunos desenvolvam o lado voluntário e se engajem, cada vez mais, nas ações de doação. “A sala toda se mobilizou para fazer a arrecadação dos materiais doados, assim como os familiares dos próprios alunos”.

A visita aos idosos fez a aluna Milena Lima enxergar as coisas de uma forma diferente. “Foi uma verdadeira lição de vida. Eu aprendi a dar mais valor às pequenas coisas da vida, porque a gente viu a felicidade estampada em cada rosto quando chegamos para tentar ajudar. Uma simples conversa já muda o dia deles e o nosso também”.

Carolina Silva, também acadêmica, enalteceu a oportunidade dada pela Facit. “É muito gratificante poder conhecer esse lugar, dar amor aos velhinhos, porque é uma etapa da vida bem difícil. Todos foram um amor conosco e fazemos questão de retribuir esse carinho”.

A instituição

Funcionando há quase 30 anos, a Casa do Idoso começou pequena, mas atualmente atende cerca de 40 idosos, que têm à disposição serviços de saúde, remédios, vestuário, alimentação e tudo mais que permita a eles terem uma vida social mais agradável nessa etapa da vida. Charles Ferreira, um dos diretores do local, explica que a estrutura da casa é mantida por meio de doações. “Voluntários também nos ajudam, como é o caso da Facit, hoje, e a comunidade em geral nos auxilia com doações financeiras e em materiais de uso diário como fraldas, que é o nosso carro chefe. A nossa demanda é de 1900 fraldas mês”, disse.

(Foto: João Neto)



Fazer um comentario