PM apreende arma de fogo e prende suspeitos em Araguaína, Sítio Novo e Dueré

PM apreende arma de fogo e prende suspeitos em Araguaína, Sítio Novo e Dueré

Araguaína

Na noite de sábado, 02, na cidade de Araguaína, a Polícia Militar apreendeu um menor infrator, 16 nos, acusado de posse ilegal de arma de fogo. Na residência do infrator os policiais apreenderam uma espingarda tipo garrucha calibre 22.

A ação ocorreu durante patrulhamento de rotina na Rua das Flores, Setor Céu Azul. O jovem trafegava em uma bicicleta quando recebeu ordem de parada dos policiais. Ele ignorou a ordem, fugiu do local e entrou em uma casa onde reside com sua mãe. Com a devida autorização os policiais entraram no local e em um dos quartos localizaram a arma de fogo. O menor, acompanhado da mãe, foi conduzido à Delegacia para os procedimentos que o caso requer.

Sítio Novo

Já na cidade de Sítio Novo, também na noite de sábado, a Polícia Militar prendeu um indivíduo acusado de porte ilegal de arma de fogo e ameaça. Em poder do suspeito os policiais apreenderam uma espingarda tipo “bate bucha”.

O próprio acusado acionou a PM e informou ter sido agredido e ameaçado pelo cunhado. Os policiais então verificaram que na verdade o cunhado foi vítima de disparo da arma de fogo e usando força física conseguiu tomar a arma do acusado. A arma foi apreendida e o suspeito encaminhado à Delegacia de Polícia Civil na cidade de Augustinópolis para os procedimentos legais.

Dueré

Mais uma apreensão de arma de fogo ocorreu também no sábado, 02, no Projeto de Assentamento Boa Sorte, zona rural da cidade de Dueré. Os policiais militares foram acionados por funcionários do Hospital Municipal de Dueré e informados sobre uma mulher que estava com um ferimento no pé, causado por disparo de arma de fogo.

Questionada pelos militares sobre o fato a mulher disse que foi um disparo acidental causado por uma espingarda calibre 36. Os policiais foram até a residência da vítima, onde localizaram a arma de fogo. O esposo da vítima que estava no local foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil, por suspeita de ser o causador do disparo que atingiu a esposa.

(Luana Barros)



Fazer um comentario