Evento de integração marca a entrada de 45 novos funcionários no Hospital de Doenças Tropicais da UFT

Evento de integração marca a entrada de 45 novos funcionários no Hospital de Doenças Tropicais da UFT

Biossegurança, saúde ocupacional, questões éticas e de relacionamento interpessoal, foram alguns dos temas abordados na integração dos 45 novos funcionários terceirizados que iniciaram suas atividades nesta segunda-feira (01), no Hospital de Doenças Tropicais da Universidade Federal do Tocantins (HDT/UFT), localizado em Araguaína (TO). O quadro de apoio administrativo conta com recepcionistas, porteiros, maqueiros, auxiliares de arquivo e almoxarifado e secretária.

O evento de integração dos colaboradores com a equipe de governança e equipe de apoio do HDT/UFT ocorreu no Anfiteatro da UFT. Na programação houve dinâmicas sobre as expectativas do trabalho, apresentação sobre o contexto da Unidade Hospitalar que após doação do governo do Estado do Tocantins para a UFT, tornou-se universitário e é gerido pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh).

O superintendente do hospital, José Pereira Guimarães Neto, deu as boas-vindas aos novos funcionários, ressaltando a importância da função de cada um para que conjuntamente possam continuar prestando aos usuários um atendimento humanizado e de qualidade. “Vocês são o cartão de visita do hospital, pois quem faz a diferença neste atendimento somos nós, as pessoas; é uma responsabilidade muito grande, porém sabemos que todos que foram contratados possuem as competências exigidas para os cargos, contamos com a colaboração de todos”, finalizou.

A recepcionista Roseane Pereira Viana frisou estar bastante feliz e com boas expectativas para iniciar os trabalhos no HDT/UFT. “Esse encontro é ótimo porque traz muitos esclarecimentos sobre o nosso local onde prestaremos os serviços, além do acolhimento que nos deixa mais à vontade. Apesar de já ter trabalhado no HDT em outros tempos por cinco anos, sei que agora é um novo hospital”, disse.

O senhor Luzinael Almiro da Silva também já trabalhou no HDT por seis anos como porteiro e agora retorna cheio de vontade de contribuir ainda mais pela instituição. “Acho que podemos ajudar com as demandas da população com responsabilidade”, comentou o porteiro.

A integração contou com a presença de parte da equipe de governança, composta pela Gerência de Atenção à Saúde (GAS), Gerência de Ensino e Pesquisa (GEP) e superintendência, além da equipe de apoio interno que envolve, psicologia, serviço social, serviço de saúde ocupacional e de controle de infecção hospitalar entre outros profissionais da Ebserh. Participou ainda a supervisora da empresa contratada, que fez explanação quanto aos direitos e deveres gerais dos colaboradores.

(Daianni Parreira)



Fazer um comentario