Eleições municipais se encerram sem nenhuma ocorrência grave, avalia PM

Eleições municipais se encerram sem nenhuma ocorrência grave, avalia PM

Conforme avaliação da Polícia Militar o pleito eleitoral nos 139 municípios do Tocantins transcorreu sem nenhum fato de maior relevância. A instituição tomou diversas medidas para reforçar a segurança durante as eleições, empregando um efetivo com mais de 3.800 policiais militares que fizeram a segurança nos diversos locais de votação, bem como foi mantido o serviço operacional de rotina.

De 30 de setembro, quando começou a atuação da PM no plano de segurança para o pleito, até o momento foram registradas 29 ocorrências e destas, nenhuma colocou em risco a realização das eleições. Pode-se destacar o registro de cinco crimes de transporte ilegal de eleitores; nove infrações de propaganda eleitoral irregular (boca-de-urna); dois atos de corrupção ativa eleitoral (compra de votos), suspeita de doação ilegal de combustível e falsidade ideológica, além de uma lesão corporal por discussão relacionada a política.

Nas palavras do Comandante Geral, coronel Glauber de Oliveira Santos, os resultados foram satisfatórios onde a Polícia Militar cumpriu de forma competente seu papel constitucional de assegurar que cada cidadão pudesse exercer seu direito de votar em segurança. “Parabenizamos cada policial militar que deu seu melhor para o alcance desse resultado e agradeço à parceria das demais instituições como Tribunal Regional Eleitoral, Polícia Civil, Polícia Federal e Exército Brasileiro, cuja atuação conjunta serviu para que as eleições municipais se concretizassem dentro do esperado”, destacou o Comandante.

Arquivo(s)

(Aline Brabo)

 



Fazer um comentario