Novos corredores Norte-Sul e Sul-Norte garantem fluidez no trânsito

Novos corredores Norte-Sul e Sul-Norte garantem fluidez no trânsito




As avenidas Ademar Vicente Ferreira e Sadoc Correia constituem respectivamente a ligação norte-sul e sul-norte da cidade. Quem trafega diariamente por essas ruas já percebeu o ganho de tempo desde que as mesmas receberam recapeamento, sinalização horizontal e vertical, além de ter o sentido do tráfego modificado.

A Avenida Ademar Vicente Ferreira, que liga o Norte ao Sul da cidade, tem início no Setor Noroeste e atravessa todo o Centro até a Rua Deusarina Aires, segunda via paralela à Avenida Filadélfia, no Setor Tecnorte. Ela recebe o tráfego da BR-153, através das avenidas Castelo Branco e Perimetral.

Já a Avenida Sadoc Correia, que tem início no Setor Recanto do Lago, faz o eixo Sul-Norte e foi revitalizada desde a Rua Deusarina Aires até o Centro da cidade, onde o condutor tem a opção de seguir pela Rua Rui Barbosa até a Rua das Mangueiras, rumo à região Norte.

“Elas se configuram como vias coletoras, que são destinadas a coletar e distribuir o trânsito que tenha necessidade de entrar ou sair das vias arteriais (Av. Filadélfia e Av. Castelo Branco / Av. Sales Paulo), possibilitando o trânsito dentro das regiões da cidade”, explica o engenheiro de transportes da Agência Municipal de Transporte e Trânsito (AMTT), Rômulo Silva.

O engenheiro explica ainda que em toda a sua extensão as avenidas são preferenciais, havendo pequenas interrupções do tráfego apenas nos locais onde há semáforos. “Isso garante a fluidez e o ganho de tempo de quem opta por trafegar nessas avenidas”, afirma.

Mobilidade urbana e acessibilidade

Desde 2013, a Prefeitura de Araguaína vem investindo em mobilidade, acessibilidade e segurança no trânsito de toda a cidade, com a reconstrução de vias, pavimentação de 300 km, implantação de ciclovia, sinalização, além da reorganização do tráfego, com a modificação do sentido de algumas ruas e avenidas.

A acessibilidade também tem sido prioridade, através do programa Araguaína Sem Barreiras, composto por um conjunto de ações a ser desenvolvidas para proporcionar acessibilidade a todos, sendo elas a eliminação de barreiras, sensibilização e construção de uma cidade acessível.

(Mara Santos/Fotos: Marcos Filho)

Fazer um comentario