Cantata de Natal reunirá 700 vozes nesta sexta-feira em Araguaína

Cantata de Natal reunirá 700 vozes nesta sexta-feira em Araguaína




Apresentação faz parte da programação da tradicional Vila de Natal, que este ano retorna à Praça das Nações, no centro da cidade

 

A Cantata de Natal chega à sua 3ª edição atraindo um número cada vez maior de participantes e contará, nesta edição, com um total de 700 vozes, 100 vozes a mais que em 2015. A apresentação acontecerá nesta sexta-feira, a partir das 20h30, na Praça das Nações, e será uma das atrações da programação da tradicional Vila de Natal.
 
Sob a regência do maestro Cristiano de Sousa Cabral, o coral Vozes do Amanhã é formado por alunos na faixa etária de 8 a 11 anos, de 35 escolas da rede pública municipal, atendidos pelo Programa Mais Educação.
 
Na apresentação, com previsão de duração de cerca de 40 minutos, o coro entoará canções com temas natalinos e o clássico da Música Popular Brasileira (MPB) “Maria, Maria”, de Milton Nascimento. A expectativa, segundo os organizadores, é que o público do evento supere o número do ano passado, quando mais de duas mil pessoas prestigiaram a Cantata.
 
Preparativos
Os corais vêm se preparando nas escolas desde o mês de agosto, com eventuais ensaios em polos reunindo alunos de 4 a 5 escolas. Na última segunda-feira, 12, foi realizado o primeiro ensaio geral com todas as escolas. O próximo ensaio geral acontece nesta quinta-feira, 15, a partir das 8 horas, no ginásio poliesportivo do Bairro São João.
 
Programa Mais Educação
Instituído em 2007 pelo Governo Federal, o Mais Educação propõe a ampliação da jornada escolar através de atividades organizadas nos macrocampos de acompanhamento pedagógico, educação ambiental, esporte e lazer, direitos humanos em educação, cultura e artes, cultura digital, promoção da saúde, comunicação e uso de mídias, investigação no campo das ciências da natureza e educação econômica.
 
De acordo com o projeto educativo em curso na escola são escolhidas as atividades no campo das possibilidades ofertadas. 

 

(Mara Santos)

Fazer um comentario