Serviço de websaúde do HDT-UFT é inaugurado com webconferência sobre hanseníase

Serviço de websaúde do HDT-UFT é inaugurado com webconferência sobre hanseníase




Na tarde desta terça-feira (07), o serviço de websaúde do Hospital de Doenças Tropicais da universidade Federal do Tocantins (HDT-UFT), vinculado à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) implementou a primeira participação dos estudantes de medicina do internato rural e outros profissionais da assistência em uma webconferência. Na ocasião, foi debatido o tema hanseníase: casos clínicos de recidivas, residência medicamentosa e outras situações, novos medicamentos para tratamento específico.   
                     
Para o gerente de ensino e pesquisa, Antonio Oliveira dos Santos Junior a consolidação e implementação de mais uma ferramenta de ensino é uma grande conquista para os alunos, estagiários e residentes, e também uma forma de aperfeiçoamento e atualização para os preceptores. “A reunião foi um sucesso e nos trouxe a empolgação de, mesmo no interior do estado do Tocantins, poder fazer parte de uma discussão de alto nível em temas prioritários para a nossa área da saúde”, concluiu.

Os Grupos de interesses Especiais (SIGs), da Rede Universitária de Telemedicina (RUTE) são sessões colaborativas, nos quais os profissionais de saúde das instituições permanecentes à rede se reúnem virtualmente para discutir temas de ensino, pesquisa e assistência. Os SIGs promovem debates, discussões de caso, aulas e diagnósticos a distância.  O HDT-UFT está participando dos SIGs Dermatologia, Enfermagem em Terapia Intensiva/Alta complexidade, Medicina Tropical, Hanseníase.

“A nossa missão  é desenvolver propostas de ensino e assistência voltadas para as equipes de saúde, em especial, no âmbito hospitalar, com  a finalidade de auxiliar na prestação de serviços, contribuir para o aumento das atividades de prevenção e promoção da saúde”, lembrou a chefe da unidade de Websaúde, Regiane de Oliveira Alves, enfocando a importância deste elo entre o HDT-UFT com os demais Hospitais Universitários (HUs) da rede Ebserh, ao realizar um trabalho integrado com a RUTE e fomentar participações e colaboração entre acadêmicos e profissionais de saúde por meio de Grupos de Interesse Especial (do inglês Special Interest Groups – SIGs).

A médica dermatologista e preceptora, Cláudia Batista Câmara avaliou a participação do HDT-UFT nesta primeira webconferência como excelente. “Acredito que seja um grande avanço no ensino dentro da instituição, pois permite interatividade entre alunos e profissionais do HU, estimulando novos olhares no trabalho desenvolvido, por meio da ferramenta”, comentou.

O estudante do último período de medicina, Ygor de Moura disse achar rica a experiência, enfocando a importância em trocar informações com outras realidades dentro do internato, proporcionada pela webconferência.

(Daianni Parreira)

 

Fazer um comentario