Escritor de Araguaína é reconhecido como mais importante do Tocantins

Escritor de Araguaína é reconhecido como mais importante do Tocantins




Professor Concesso, autor do livro ‘Meu Primeiro Picolé’, foi citado nacionalmente pela Revista Super Interessante, ao lado de escritores como Jorge Amado e Clarice Lispector

 

Com o título “Mapa Literário: o Escritor mais importante de cada Estado”, a revista nacional Super Interessante, da Editora Abril, na edição 373, de abril, publicou matéria sobre os 26 autores que mais representam cada estado do Brasil. Entre nomes como Jorge Amado, Clarice Lispector e Guimarães Rosa, o autor de Araguaína José Francisco Concesso, conhecido como Professor Concesso, foi reconhecido como o escritor mais importante do Tocantins.

A seleção de autores destaque em cada estado na matéria baseia-se em número de prêmios ganhos, participações em Academia de Letras de suas respectivas federações, cobrança nos vestibulares locais, número de traduções para línguas estrangeiras e se o autor é reconhecido por sintetizar a identidade de cada estado, não sendo determinante seu local de nascimento.

A obra de Concesso indicada na matéria como referência é “Meu Primeiro Picolé”, publicada em 2004. “Os livros nos apresentam a lugares que, mesmo quando reais, talvez nunca visitaremos, nos transportam para enredos que não podemos mudar e nos deixam íntimos de personagens cujos sotaques, hábitos, personalidades e aparências são adaptações de alguém, releituras de várias pessoas coladas em um determinado tempo e espaço”, traz a matéria assinada por Pâmela Carbonari.

Ainda no texto, a autora fala que “é essa junção de elementos que faz a obra de Jorge Amado ser sinônimo de Bahia e a de Érico Veríssimo de Rio Grande do Sul, é isso que faz a literatura ser um dos mais importantes símbolos para a formação da identidade cultural de um lugar”.

O autor
“Vim para Araguaína em 1966 e sai em 79. Depois voltei em 83 e até hoje morando aqui. Já fui vigário, que é responsável de cuidar de paróquias, professor, diretor regional da Secretaria Estadual da Educação e vice-diretor de faculdade”, comentou relembrando sua trajetória na cidade.

Nascido em Rio Espera, em Minas Gerais, Concesso é reconhecido como intelectual de destaque. Professor de latim, direito, teologia e escritor, além de Araguaína, teve passagens por Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Lagoa Santa, Roma, Itália, Espanha e Cuba.

“Nessas andanças, estudei Filosofia, Teologia, Enfermagem, Letras e Direito. Também me especializei em educação e língua espanhola. Fui o primeiro diretor da Faculdade de Educação, Ciências e Letras de Araguaína”, contou.

Meu Primeiro Picolé
O livro “Meu Primeiro Picolé” reúne uma seleção de crônicas autobiográficas, da trajetória vivida pelo professor na pequena cidade em que nasceu, onde o picolé era um sonho contado pela boca das poucas pessoas que viajavam e voltavam falando das novidades sobre as cidades maiores.

Outras obras

Autor dos livros Latim Primeiro Passos, Análise Sintática para Estudantes de Latim, Meu Primeiro Picolé, Datavemia, Casssaletos Partanos, Andanças, Educação Balaio, Retrato Falado, Colégio Santa Cruz e Escrevendo Para Todos, o professor também tem mais seis livros prontos para serem entregues para a gráfica.

“Mais seis livros meus estarão sendo publicados esse ano, é o Trem de Mineiro; Dr. Murilo Vilela; Como Construir um livro; Oferecendo Anzóis; Exportando Minas e Um dedo de Prosa, todos prontos, em breve estarei divulgando”, disse empolgado.

A matéria pode ser lida na íntegra através do link: http://migre.me/wlf0l

 

(Fernanda de Alcantara)

Fazer um comentario