CAPS realiza semana para destacar luta antimanicomial

 CAPS realiza semana para destacar luta antimanicomial




Os eventos buscam mostrar o movimento que tem como objetivo evitar o isolamento das pessoas que fazem tratamento de saúde mental nos centros de atenção psicossocial de Araguaína

 

Com o objetivo de evitar o isolamento das pessoas que buscam tratamento de saúde mental nos centros de atenção psicossocial (CAPS), será realizada de 16 a 18 de maio a 15ª Semana de Luta Antimanicomial em Araguaína. Os eventos que destacam o movimento trazem como lema “Faz escuro, mas eu canto liberdade” e iniciam nesta terça-feira, durante todo o dia, com oficinas internas, palestras e filmes nos três CAPS.

O coordenador do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e outras Drogas (CAPS/AD), Klaubher Feitosa, explica que a luta é por uma sociedade sem preconceito. “A semana busca chamar a atenção para o movimento. Manicomial significa distanciamento da sociedade, criando preconceitos. Antimanicomial é uma luta por uma sociedade sem manicômio, cuidar da pessoa dentro da sociedade e da família, cuidar da saúde dentro do contexto do paciente. Quando se interna, a sociedade não está preparada e nem o paciente. Nossa meta é cuidar sem prender”.

As ações seguem no dia 17, no auditório do Centro Universitário Itpac, às 8 horas, com apresentações artísticas feitas por profissionais e usuários do CAPS e oficina, além de uma mesa redonda promovida pelo curso de Psicologia.

Ainda no dia 17, à noite, a programação contará com apresentação artística “Cuida com cuidado, sem paranóia” e roda de conversa com professores, no auditório da Faculdade Católica Dom Orione.

No Dia Nacional de Luta Antimanicomial, dia 18, as atividades serão realizadas na Praça das Nações São Luiz Orione, pela manhã e à noite. Às 8 horas, usuários dos serviços de saúde mental de Araguaína e região, estudantes, professores e profissionais de saúde contarão com manifestação pública e às 19 horas com exibições de filmes seguidos de debates promovidos por universidades.

A Semana de Luta Antimanicomial é realizada pelo CAPS AD, CAPS I, CAPS II, Centro Universitário ITPAC, Faculdade Católica Dom Orione, Secretarias Municipal e Estadual de Saúde.

Os CAPS de Araguaína ficam localizados nos seguintes endereços: CAPS AD na Rua 12 de Outubro, nº 459, no Centro; CAPS II à Rua Castelo Branco, 40, no Setor Rodoviário; e CAPS I na Rua Deusarina Aires, nº 11, no Jardim Filadélfia.

Programação
Dia 16 (terça-feira)
8 às 11h30 e das 14 às 16h30 – oficinas internas e palestras, filmes, produções artísticas temáticas.

Dia 17 (quarta-feira)
8h – Apresentações artísticas e mesa redonda com o tema “Cuida com cuidado, sem paranoia”  (Auditório do Itpac);
10h30 – Oficina aberta dos CAPS (Espaço Cultural Itpac);
19h – Apresentações artísticas e roda de conversa com o tema “Cuida com cuidado, sem paranoia” (Auditório da Faculdade Católica).

Dia 18 (quinta-feira)
8 às 10h30 – Manifestação Pública do Dia Nacional de Luta Antimanicomial (Praça das Nações São Luiz Orione);
19h – Exibição de filmes seguida de debates (Praça das Nações São Luiz Orione). 

 

(Thatiane Cunha)

Fazer um comentario