Hospital Municipal de Araguaína aumenta o número de leitos de internação

Hospital Municipal de Araguaína aumenta o número de leitos de internação




Duas novas enfermarias somarão no atendimento dos pacientes que receberem alta da UTI

 

Com o objetivo de melhorar e ampliar o atendimento e tratamento dos pacientes internados no Hospital Municipal de Araguaína (HMA), o Instituto Saúde e Cidadania (ISAC), responsável pela gestão da unidade, entregou mais duas novas enfermarias na unidade.

De acordo com o gerente de Assistência e Qualidade do ISAC, Vinicius Menezes, essas enfermarias foram instaladas em duas salas do hospital. “Os espaços receberam adequações para serem transformados em enfermarias. Todas são climatizadas e contarão, ao todo, com oito leitos. Esta adequação faz parte da estruturação da unidade para alinhar com as normativas da necessidade total de leitos de retaguarda em hospitais com UTI Pediátrica”, completou o gerente.

Com essa ampliação, a capacidade do Hospital Municipal de Araguaína aumentou para 44 leitos de enfermaria, além de seis leitos de estabilização e 10 de UTI pediátrica, totalizando 60 leitos.

Mais ganhos

As novas enfermarias ocuparão o espaço onde antes funcionavam a central de abastecimento da Farmácia e almoxarifado do hospital. Segundo Vinícius, foi aplicada uma nova metodologia de gestão que permitiu a economia de 65% do espaço dos estoques.

“Fizemos algumas divisões e transferências para termos um controle maior sobre os custos e também adequamos o fluxo de compras para evitar, principalmente, o desperdício, que geralmente acontece nos estoques”, reforça o gerente.

Foi melhorada a dinâmica de abastecimento alinhando, junto aos fornecedores, a entrega dos materiais e mantimentos. E tudo isso foi feito sem empregar recursos em infraestrutura, apenas mudando processos.

 

(Fotos: João Neto)

Fazer um comentario