O que fazer com o lixo? Evento promovido em Araguaían discutirá o assunto

O que fazer com o lixo? Evento promovido em Araguaían discutirá o assunto




O 4º Fórum Municipal do Lixo e Cidadania reunirá representantes de ONGs e órgãos de fiscalização, estudantes, professores e catadores no dia 6 de novembro, no Unitpac

 

Araguaína se prepara para, mais uma vez, debater as questões relacionadas ao descarte de lixo. A 4ª edição do Fórum Municipal do Lixo e Cidadania, promovido pela Prefeitura, trará estratégias de saneamento básico e destinação de resíduos sólidos no Município e já tem data e locais marcados, dia 6 de novembro, a partir das 8 horas, no auditório do Unitpac.

O evento contará com a participação de representantes de organizações não-governamentais (ONGs), de órgãos de fiscalização municipais e estaduais, de universidades, escolas, associações, cooperativas e outros segmentos.  As inscrições gratuitas serão feitas no local.

O fórum, aberto à comunidade, é um espaço de debates, reflexão, proposição, articulação, apoio técnico, capacitação e sensibilização para a gestão e manejo adequados do lixo produzido na cidade. Outro ponto diferenciado do evento é a abertura à discussão para o público. Após cada palestra, haverá mesa redonda com os palestrantes e outros especialistas convidados para discutir soluções às demandas elencadas.

A programação completa do evento, com temas e palestrantes, será divulgada ainda nesta semana.

Cidade Sustentável
Araguaína foi eleita, em 2017 e 2018, Cidade Sustentável, no Prêmio Mérito Ambiental, concedido pelo Governo do Estado. Em 2017, o Prêmio Mérito Ambiental foi conquistado pelas ações desenvolvidas para conscientização e preservação do meio ambiente, como a reutilização e destinação de pneus na construção de horta orgânica em escolas municipais.

Em 2018, a Escola de Artes Raimundo Paulino – Reciclarte foi destaque pelo trabalho de reutilização e reciclagem de resíduos sólidos em seu mobiliário e utensílios. Inaugurada em novembro de 2017, a escola conta com mesas de centro confeccionadas em canos de polietileno (PEAD) e pallets; bancos, mesas e cadeiras feitos em pallets e tubos de papelão; pneus na ornamentação do jardim; prateleiras confeccionadas com artigos reciclados; além de outros móveis confeccionados com sucatas de bicicletas, embalagens e móveis velhos.

Buscando alternativas para proteger o meio ambiente como Cidade Sustentável, a Prefeitura de Araguaína vem utilizando práticas de zelo, como a prevenção de queimadas, Protocolo do Fogo, Selo Verde, melhoria na aplicabilidade do ICMS Ecológico, recuperação de nascentes, implantação de hortas sustentáveis em escolas e outras entidades, e ecopontos para recolhimento de pneus, pilhas e baterias de celular, dentre outras ações.

 

(Mara Santos/Fotos: Marcos Filho Sandes)

Fazer um comentario